quarta-feira, 4 de agosto de 2010

[Poesia] Versos Distantes



Escrevo meus sentimentos 
Em versos que nunca rimam
Que eu só chamo de versos
Porque dizem o que eu sinto por você

É impossível eu sei
Que este amor passe de apenas um sonho para o mundo real
Mas meu coração é tolo
Nunca acreditou em barreiras
Nem de distância
Nem de nada
Tudo o que ele entende é o sentimento

Românticos são idiotas!
Sempre sofrem no final
Malditos!
Por que eu tinha que ser um deles?!

Mesmo que você não acredite
Não leve a sério
Eu não aguentei
Tive que te falar
Joguei para você o que eu sinto
E agora?

Mesmo que você não acredite
É a verdade
Você faz meu coração bater fora do ritmo normal
Você me faz sonhar com um amanhã diferente

Estou perdida, eu sei
Estou condenada
Mas estou feliz
Por que você admitiu ter se abalado
(melhor que nada, com verteza melhor que nada)

Acredite em mim!
Eu não estou de brincadeira!
Isso é só a verdade
Por mais absurdo que pareça!

Eu esperarei anos
(guardarei dentro de mim essa verdade)
Eu sofrerei
Eu irei me enganar
Eu enganarei outras pessoa também
Eu lutarei para que você entenda
Que
se existe alguém no mundo
que possa te amar eternamente
e te fazer feliz
esse alguém sou eu

Diga o que quizer
Agora eu não posso mais parar
Até o dia em que você decidir matar minha alma
Mas não importa
Estarei feliz até esse dia
Tudo o que existe é meu amor aqui

Nada a mais

Nenhum comentário: